24 de abril de 2013

Estudante da UFOPA refuta o termo baderneiros atribuído aos manifestantes que já fecharam três vezes a UFOPA nos últimos 10 dias.

"...se vocês que criticam o movimento não conseguem ter a sensibilidade de se preocupar com o fim que está sendo dado ao dinheiro público, que aceitam todo tipo de arbitrariedade imposta pelo sistema seja ele da universidade, da gestão municipal, ou em qualquer outra esfera da sociedade, então me desculpem, mas são vocês que não merecem ser chamados de estudantes." disse a estudante na rede social Facebook e publicado no Blog do JK. 

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: