19 de agosto de 2012

Juva, vice-presidente do PMDB
O Jornal O Impacto, publicou em seu site no último sábado(18) o direito de resposta de Juvercílio Pereira, o Juva, vice-presidente do PMDB de Belterra. 

No texto, Juva rebate a denúncia de que a Prefeitura de Belterra deve para Júlio Alfredo e fala a cerca da denúncia que ele ( Juva ) teria usado um carro oficial para transportar pessoas para o aniversário de sua filha

O texto da postagem deixa claro que Juva elevou o tom devido as denúncias. Chamou os denunciantes de "canalha", "cara de pau" e "patife"

"A primeira mentira contada por JÚLIO WALFREDO seria que a Prefeitura lhe deve, o que não corresponde à verdade, tendo em vista que a empresa contratada é a empresa a M DAS G PEREIRA COSTA-ME, que por sinal tem indícios de ser uma empresa “fantasma”, visto que em verificação no local onde deveria fncionar a empresa, não existe nada.

A segunda mentira divulgada é de que o carro oficial estaria sendo usado para levar as pessoas para o aniversário da filha do JUVA DO PMBD. “Este canalha tem a cara de pau de dizer que utilizei o carro para levar pessoas para o aniversário de minha filha, no dia 28 de junho de 2012; este patife não sabe nem que a minha filha faz aniversário em janeiro e não em junho; é um mentiroso covarde e traiçoeiro”, afirma JuvercÍlio Pereira."(SIC)

Segundo a publicação do jornal, Juva falou também que foi ameaçado de morte.

Leia o direito de resposta de Juva, na íntegra no jornal "O impacto" em: Juva: “Estou sendo vítima de um mafioso

Fonte: A foto e os textos destacados entre aspas e na cor AZUL são partes da postagem publicada no jornal O impacto e foram replicados aqui neste blog da mesma forma que está na postagem original.

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: