8 de agosto de 2012

Belterrenses começaram a "protestar" na rede social, Facebook, contra a construção de uma creche na área da Praça Brasil, considerada a maior do Pará. 
Praça Brasil. / Foto de Ronilson Santos
Segundo informações a obra seria entre o campo da Praça Brasil e a quadra. No entanto, muitos belterrenses não concordam. Para Frank  Pantoja, a obra é "mais uma afronta ao nosso patrimônio histórico e desrespeito aos belterrenses". 

Do lado do governo a defesa é que o que lugar estava ocioso "e quando foi feito o Projeto houve análise técnica" e que "o IPHAM está acompanhando este projeto". Porém, fontes confirmaram que o IPHAN ainda não deu o aval para  obra. 

Portanto, quem quiser se manifestar a hora é agora, depois "não adianta chorar pelo leite derramado". Afinal o investimento é alto, a obra custará quase 1,5 milhão de reais e na praça Brasil não existe CTRL+Z, depois que a obra estiver pronta, não terá mais como voltar atrás. 

Vale ressaltar que no final de 2011, o Blog do Jeso denunciou outra tentativa de construção na praça Brasil.
Leia abaixo a postagem do Blog do Jeso:

Em defesa da praça
O prefeito de Belterra, Geraldo Pastana (PT), achou uma sarna pra se coçar.
Quer porque quer erigir uma uma nova escola em plena Praça Brasil, considerada a maior em todo o Pará.
Centenas de belterrenses já iniciaram movimento contrário ao projeto do gestor municipal.

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: