4 de julho de 2012

O senador Jader Barbalho ( PMDB - PA) não esconde que é contra o fim do voto secreto e ponto final.
Imagem do site da Veja.

Em seu site Jader deixou bem claro: "Eu sou contra o fim do voto secreto, por princípio e por entender que o sigilo do voto tem, historicamente, garantido muitas vitórias populares contra regimes totalitários". Segundo ele, o voto secreto "é a base das democracias estáveis" e que o voto aberto "tem sido o grande instrumento dos regimes totalitários". 
Enquanto isto, milhares de brasileiros estão fazendo até campanha na internet, nas redes sociais a favor do fim do voto secreto, pois para eles isto é esperança de que algo melhore no legislativo brasileiro, é a esperança do fim dos acordos para salvar corruptos da cassação. Com o fim do voto secreto, os eleitores poderiam fiscalizar os deputados e saber se lá no congresso eles estão representando quem os elegeu ou não. 

Infelizmente, a ideia não agradou muitos deputados e senadores, e Jader é um deles. Parece que a ideia de ser "monitorado" pela imprensa, pelos eleitores e pelo Brasil inteiro não agradou aqueles que querem continuar votando secretamente conforme as suas vontades. 

Eu como eleitor, como blogueiro, como ativista político, DEFENDO O FIM DO VOTO SECRETO, por acreditar que é um dos passos importantes que o Brasil poderia conquistar. Eu até poderia chamar isto de "início da reforma política que este país precisa". 

Há eu já ia esquecendo, não tenho nada contra a opinião do deputado Jader Barbalho, apenas não concordo com a mesma, assim como milhões de brasileiros, eu defendo o FIM DO VOTO SECRETO JÁ. 

Opa... a essa altura já deve ter gente falando: "Blogueiro Ronilson você não pode comentar nada, precisa ser imparcial". Diante disto, eu passo a palavra para o "meu amigo Aurélio":
Imparcial:
1.Que julga desapaixonadamente; reto, justo.
2.Que não sacrifica a sua opinião à própria conveniência, nem às de outrem. ~ V. estimador —.

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: