23 de julho de 2012

Por Jeso Carneiro, no Blog do Jeso
A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Santarém decidiu, pelo voto unânime dos conselheiros, pedir providências contra a juíza Tarcila Maria Campos, de Óbidos, à OAB/Pará e ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

Tudo porque a magistrada estaria impondo condição para receber advogados que a procuram na comarca obidense, para tratar de questões jurídicas.

Ela teria até mandado afixar um cartaz à porta do seu gabinete no qual informa que o atendimento aos advogados só ocorreria “após o término das audiências”.

Leia mais em OAB decide agir contra juíza de Óbidos, no Blog do Jeso

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: