13 de setembro de 2011


Hoje, 13 de agosto de 2011, era pra ter acontecido uma sessão especial na câmara municipal dos vereadores de Belterra, que trataria sobre a criação do Estado do Tapajós.

A expectativa era grande. O público compareceu, porém, lamentavelmente os vereadores Ulisses Medeiros, Nilda Paixão, Dr. Macêdo, Reginaldo Lobo e Laura Mota não compareceram à sessão. Devido a ausência destes, a sessão especial foi cancelada, e em vez dessa, aconteceu uma audiência pública. Menos mal, pelo menos, o momento foi aproveitado para discutir este assunto de tão grande importância para a nossa região.

Eu jamais posso julgar os vereadores acima pelo fato de eles terem faltado, haja vista que desconheço os motivos. No entanto, aproveito o espaço para manifestar o meu desejo, assim como, o de muitos belterrenses. Peço que pelo menos nesse momento, os vereadores se unam em prol desse objetivo.

É de conhecimento de todos, que nos últimos dias a câmara dos vereadores de Belterra anda com um clima um pouco tenso entre os vereadores. Isto é normal. E com certeza este clima tende aumentar a medida que se aproxima as eleições de 2012. No entanto, esperamos que cada vereador, esqueça seus objetivos e divergências políticos-partidários e se unam em prol do Estado do Tapajós.

O momento atual, não é momento para defendermos bandeiras partidárias, nem ideologias,  mas é momento de união, para juntos conseguirmos o tão sonhado Estado do Tapajós. Jamais imaginamos que as divergências irão acabar, e jamais queremos que isto aconteça. Isto é um “sintoma da democracia”. É benéfico. Porém, torcemos, que pelo menos, quando for para tratar de um assunto de tão grande importância para o nosso desenvolvimento,  esperamos que os nossos vereadores belterrenses possam se unir, em prol desta causa tão nobre: o Estado do Tapajós.


Atualização em 15/09/2011
A cerca deste assunto, leia o post que o Portal Belterra publicou: Presidente da Câmara e suas manobras....

Deixe aqui seu COMENTÁRIO: